Rio Branco, Acre, 26 de outubro de 2020

Sisu 2016 divulga resultado do meio do ano

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest
Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email

A primeira chamada do Sistema de Seleção Unificada (Sisu) do segundo semestre de 2016 foi divulgada na manhã desta segunda-feira (6) na página do programa . A consulta pode ser feita filtrando a nome da instituição, o campus, o curso e o turno. Também é possível consultar o boletim individual, mediante senha e o número de inscrição do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2015.

Entre os dias 10 e 14 de junho, os selecionados terão de fazer a matrícula na instituição de ensino. Quem não foi convocado pode aderir à lista espera a partir desta segunda até o dia 17 de junho. Os integrantes dessa lista que vierem a ser selecionados devem fazer a matrícula no dia 23 de junho.

O Sisu é o sistema informatizado do Ministério da Educação por meio do qual instituições públicas de educação superior oferecem vagas a candidatos participantes do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem).

Esta edição oferece 56.422 vagas em 65 instituições. A inscrição podia ser feita somente pelos estudantes que participaram do Enem de 2015 e obtiveram nota na redação que não fosse zero.

Entenda o Sisu
O Sisu é o meio utilizado pelo Ministério da Educação para selecionar novos estudantes de cursos de graduação de universidades federais e institutos tecnológicos de ensino superior. Há ainda instituições estaduais e municipais que aderem ao processo. O sistema usa as notas do Enem para determinar quais candidatos terão direito às vagas.

Como o Sisu calcula nota de corte?
Durante o prazo de inscrições, o Sisu calcula a nota de corte para cada curso uma vez por dia. O cálculo toma como base o número de vagas disponíveis e o total dos candidatos inscritos naquele curso, por modalidade de concorrência. A nota de corte válida será aquela registrada no último dia de inscrições. Até esse fechamento, o candidato pode optar por mudar de cursos ou universidades.

Sisu e Prouni: qual a diferença?
O Sisu é a sigla para Sistema de Seleção Unificada. Por meio dele dele, instituições públicas – sem cobrança de mensalidade – selecionam alunos tendo como critério a nota do candidato no Enem.

O Enem também é usado em outras ações do MEC, como o Fies e o Programa Universidade para Todos (Prouni). O Prouni concede bolsas de estudos integrais ou parciais em universidades privadas. O foco são estudantes que saíram de escolas públicas e de baixa renda.

Por portal G1.

Leia também

Receba nossas novidades

Av. Rodrigues Alves 60 – Centro – Cruzeiro do Sul AC.