Rio Branco, Acre, 28 de novembro de 2020

Taxista de Cruzeiro do Sul é preso suspeito de tentar vender calçados furtados

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest
Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email

Um taxista foi preso suspeito de tentar vender calçados roubados para um comerciante de Mâncio Lima. Outro suspeito que teria praticado o roubo, conseguiu fugir. A polícia foi acionada pelo comerciante que suspeitou da venda porque os produtos estavam sendo vendidos por um preço muito baixo e estavam com a etiqueta da loja, de onde a mercadoria foi furtada nesta sexta-feira (24), em Cruzeiro do Sul. No interior do táxi, foram encontradas caixas com os sapatos.

A polícia também chegou à casa da irmã do segundo suspeito que fugiu. Ela foi levada à delegacia, depois que a polícia encontrou na casa dela mais calçados furtados, que estavam embaixo da cama. Ela deve responder por crime de receptação.

Na delegacia, o taxista disse à polícia que transportou o suspeito e a mercadoria para Mâncio Lima, mas não sabia que se tratavam de produtos roubados.

“Ele confessou que transportou esse produto para Mâncio Lima, no entanto, disse que não sabia do furto, embora ele tenha ido antes das 6h com o sujeito que pegou os objetos na frente do estabelecimento”, informou o delegado Vinícius Almeida.

A mulher também se defendeu e disse que não sabia que os produtos estavam na casa dela. “Eu abri a casa para eles lá (polícia) achando que não tinha nada dentro. Nunca pisei nem na porta de uma delegacia, tenho três filhos”, disse chorando.

 

Com informações de Veja de tudo.

Leia também

Receba nossas novidades

Av. Rodrigues Alves 60 – Centro – Cruzeiro do Sul AC.