Rio Branco, Acre, 21 de setembro de 2020

A Era do Gelo: O Big Bang é a maior estreia da semana

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest

A animação A Era do Gelo: Big Bang é a maior estreia da semana. O longa-metragem desponta em 1.159 salas do circuito nacional, 619 delas com exibições no formato 3D e 12 com sessões no formato IMAX, de acordo com números do site Filme B.

No quinto filme da franquia da 20th Century Fox que já arrecadou mais de US$ 2,82 bilhões nas bilheterias mundiais, a obsessão de Scrat por sua noz causa um verdadeiro transtorno interplanetário na Era Paleolítica. A perseguição do esquilo o leva, da forma mais inesperada possível, para o espaço sideral, onde ele acidentalmente afeta a o sistema solar e coloca um asteroide em rota de colisão com a Terra. A partir daí Sid, Manny, Diego e companhia tentarão se salvar iniciando uma jornada rumo a uma caverna.

Meryl Streep vive Florence Foster Jenkins na comédia dramática Florence: Quem é Essa Mulher?, que estreia em 90 salas. No filme, baseado em fatos reais, a atriz três vezes vencedora do Oscar uma socialite que ama música e sonha em se tornar uma cantora lírica, apesar da voz sofrível e da saúde debilitada. Apesar de tudo ir contra ela, Jenkins é encorajada por seu marido e empresário Clair Bayfield (Hugh Grant) a ir atrás de seus objetivos. A direção é de Stephen Frears, de Alta Fidelidade, A Rainha e Philomena.

Exibido no Festival de Cannes deste ano, o drama Julieta, de Pedro Almodóvar, chega a 55 telas do circuito nacional. A trama, que envolve temas como luto, perda e a incomunicabilidade entre pessoas que se amam ou deveriam se amar, acompanha décadas na vida de uma mãe (interpretada por Adriana Ugarte e Emma Suárez em momentos distintos de sua vida) que perde o contato com a filha (Blanca Parés). O elenco conta ainda com Rossy de Palma, Dario Grandinetti e Michelle Jenner.

O documentário Janis: Little Girl Blue, dedicado à Janis Joplin (1943 – 1970), mostra o lado vulnerável da cantora que conquistou fãs de rock, blues e jazz com sua rascante voz potente e carregada de emoções. O filme dirigido por Amy Berg traz a cantora indie Cat Power usando sua voz para recriar as lembranças de Janis através da leitura de cartas escritas pela artista.

Menino 23: Infâncias Perdidas no Brasil, documentário nacional dirigido por Belisario Franca também chega ao circuito nesta quinta-feira. O longa-metragem aborda acompanha o historiador Sidney Aguilar em sua pesquisa sobre o caso chocante de crianças negras que foram escravizadas, em pleno século XX, no Brasil por adeptos do nazismo.

Leia também

Receba nossas novidades

Av. Rodrigues Alves 60 – Centro – Cruzeiro do Sul AC.