Rio Branco, Acre, 27 de outubro de 2020

Polícia deflagra Operação Aquiri e prende mais de 150

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest
Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email

A Polícia Civil iniciou na última segunda-feira, 11, a segunda fase da Operação Aquiri, que tem como principal objetivo combater a criminalidade em todo Estado. Ao todo, foram cumpridos 106 mandados de prisão, 120 de busca e apreensão, e 36 pessoas foram conduzidas em flagrante, totalizando 151 pessoas presas em Rio Branco e no interior.

“Desde o início do ano, a Polícia Civil vem demonstrando resultados. Já realizamos a operação Fim da Linha, tendo prendido 164 criminosos. Até o momento, a Aquiri já prendeu 151, com várias apreensões de drogas e veículos, e houve prisões desde a capital até os locais mais longínquos do Estado”, disse o delegado Nilton Boscaro.

Uma das maiores ações já realizadas pela Polícia Civil, no quesito cumprimento de mandados, a Aquiri conta com mais de 120 agentes, 25 delegados e 16 escrivães de polícia, que, juntos, dão cumprimento a 206 mandados judiciais contra pessoas em conflito com a lei que agiam na prática de roubo, tráfico, associação para o tráfico, estupro e homicídios no Acre.

Todo o trabalho foi realizado simultaneamente nos 22 municípios do Acre, compreendendo as regiões do Alto e Baixo Acre, Purus, Envira, Juruá, Bujari e Porto Acre e a capital. As investigações da Operação Aquiri tiveram início há dois meses e são uma resposta da Polícia Civil contra a criminalidade.

“Isso faz parte do Plano Estratégico Operacional lançado pelo governo do Estado, por meio do Sistema de Segurança Pública. Essa ação não acabou. Nos próximos dias, teremos mais prisões, com focos nos crimes de trafico de drogas, homicídios, roubos e outros delitos”, declarou o secretário de Estado de Polícia Civil, Carlos Flávio Portela.

Leia também

Receba nossas novidades

Av. Rodrigues Alves 60 – Centro – Cruzeiro do Sul AC.