Rio Branco, Acre, 15 de janeiro de 2021

Adolescente é morto a tiros e tem rosto e partes íntimas queimados

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest
Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email

O adolescente Willian Ramirez, de 15 anos, morreu na madrugada desta terça-feira (19), após levar dois tiros e ter rosto e as partes íntimas queimados. O crime bárbaro ocorreu na Cidade do Povo, em Rio Branco. A mãe do adolescente, Sheila Sebastiana Ramirez, de 49 anos, diz que o filho estava sendo ameaçado de morte, porque teria roubado um celular.

A dona de casa relata que Ramirez havia roubado o celular da mãe de um outro jovem. “Foi esse rapaz que ameaçou ele de morte. A menina disse que foram dois rapazes, mataram ele atrás da casa dela e quando ela ouviu, meu filho estava gritando por socorro”, lamenta a mãe.

Ainda segundo Sheila, os suspeitos atiraram, colocaram um capuz na cabeça de Ramirez e  queimaram o rosto e as partes íntimas dele. Emocionada, a mãe afirma que o filho era usuário de maconha e conta que na noite de segunda-feira (18) ele teria “se despedido”.

“Ele lavou a louça, passou pano na casa, coisa que ele nunca tinha feito, parecia que estava se despedindo, porque eu só vivia pedindo para ele fazer e ele não fazia, ontem [terça,19] ele fez sem eu pedir. Eu entrego nas mãos do senhor, a justiça de Deus não vai falhar”, diz Sheila.

Pelas informações e características do crime, o delegado responsável pelo caso, Francisco Canindé, acredita que o crime tenha sido uma execução. “Temos poucas informações ainda, mas acreditamos que a morte pode ter ocorrido ainda na noite de ontem. Nosso trabalho vai ser esse de apurar, encontrar testemunhas e colher informações que possam chegar à autoria”, finaliza.

Leia também

Receba nossas novidades

Av. Rodrigues Alves 60 – Centro – Cruzeiro do Sul AC.