Rio Branco, Acre, 27 de outubro de 2020

Bolt aprova expulsão de atletas russos: ‘vai assustar muita gente’

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest
Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email

O atleta jamaicano Usain Bolt afirmou na última quinta-feira (21) que a decisão de manter o atletismo da Rússia fora da Olimpíada “assustará muita gente” envolvida com doping.

A CAS (Corte Arbitral do Esporte) rejeitou nesta manhã um recurso apresentado por 68 atletas russos impedidos de competir nos Jogos Olímpicos do Rio pela Iaaf (Associação Internacional das Federações de Atletismo). Todos os inscritos em provas de atletismo foram vetados da Rio-16 após um esquema de doping estatal vir à tona.

Bolt disse aprovar a medida. “Regras são regras e violações por doping no atletismo estão ficando muito graves, então, ótimo”, afirmou. “Isso assustará muita gente e envia uma mensagem forte de que o esporte está falando sério”.

Para o vencedor de seis medalhas de ouro nos Jogos, as decisões recentes tomadas contra atletas que usam substâncias proibidas mostram que “se você trapacear ou for contra as regras”, medidas severas serão adotadas. “Se eles acham que punir a equipe inteira é a ação correta, então estou com eles”.

Em caso separado, o COI (Comitê Olímpico Internacional) estuda vetar a participação de toda a delegação russa no Rio. O motivo é um relatório divulgado pela Wada (Associação Mundial Antidoping) que diz comprovar a existência de um esquema estatal de doping na Rússia.

Na quarta-feira (20), mesmo com risco de expulsão, a Rússia anunciou os nomes dos 387 atletas inscritos para participar dos Jogos Olímpicos do Rio. Os 68 russos classificados para disputar provas de atletismo apareciam na relação.

 

Com informações da Folhapress.

Leia também

Receba nossas novidades

Av. Rodrigues Alves 60 – Centro – Cruzeiro do Sul AC.