Rio Branco, Acre, 20 de outubro de 2020

Criança de 3 anos levada a motel por casal morre após incêncio em quarto

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest
Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email

Um menino de apenas três anos morreu carbonizado em um quarto de motel no município de Pilão Arcado, que fica a 760 km de Salvador, na Bahia. A criança foi levada ao local pela mãe, de 27 anos, e o namorado dela, de 43 anos, que também é dono do estabelecimento.

De acordo com o G1, a vítima foi deixada em um dos quartos do motel, enquanto o casal foi para um outro para ter relações sexuais. O caso aconteceu na noite de terça-feira (19).

“Ela ficou num quarto que tem ar-condicionado com o namorado e deixou o filho, de apenas três anos, sozinho em outro [quarto] com um ventilador. O motel fica num local ermo e tem uma fiação bem atinga. O ventilador do quarto onde o menino ficou era velho e tinha marcas de desfiamento. O ventilador esquentou, soltou faíscas e pegou no colchão. O menino foi asfixiado e depois carbonizado, porque provavelmente estava dormindo”, disse o delegado Anóbio Dionísio.

Além disso, o motel não tem licença para operar e está com alvará vencido há três anos. O casal será indiciado por abandono de incapaz, mas também pode responder por homicídio.

Ainda de acordo com o G1, o pai do menino tentava a guarda do filho na Justiça. Já o casal está preso na delegacia do município baiano.

Leia também

Receba nossas novidades

Av. Rodrigues Alves 60 – Centro – Cruzeiro do Sul AC.