Rio Branco, Acre, 28 de novembro de 2020

Maia quer que leitura de cassação de Cunha seja na próxima segunda

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest
Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email

O presidente da Câmara dos Deputados Rodrigo Maia (DEM-RJ) pretende dar sequência ao pedido de cassação do deputado afastado Eduardo Cunha (PMDB-RJ). Maia disse que não quer esperar pela manifestação da Câmara ou a decisão do STF para tratar do assunto.

A data prevista para a leitura em plenário está mantida: segunda-feira (8).

De acordo com a coluna Painel, da Folha de S. Paulo, aliados do ex-presidente da Câmara consideram que quando a cassação entrar na pauta, os deputados favoráveis à perda do mandato devem ser os que defenderão o adiamento da votação, já que o quorum deve ser baixo no período eleitoral.

A publicação também destaca que o ‘Centrão’ ainda estimula a intriga entre DEM e PSDB, que começou com a defesa de Maia à reeleição de Temer. As rusgas são para tentar travar a pauta na Câmara e adiar a votação sobre Cunha.

 

Com informações de Notícias ao Minuto.

Leia também

Receba nossas novidades

Av. Rodrigues Alves 60 – Centro – Cruzeiro do Sul AC.