Rio Branco, Acre, 23 de novembro de 2020

PMs homenageiam colega morto em serviço na capital em Cruzeiro do Sul

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest
Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email

Um grupo de 20 policiais militares de Cruzeiro do Sul, interior do Acre, fiz uma paralisação de um minuto, nesta quarta-feira (17), em frente à Catedral de Nossa Senhora da Glória, no Centro da cidade, em homenagem ao policial Alexandro Aparecido dos Santos, de 36 anos. Santos morreu após ser baleado no pescoço durante uma abordagem policial na última segunda-feira (15), em Rio Branco.

Os militares pararam as viaturas com as luzes ligadas, em continência ao companheiro de farda. O tenente Silva Lima, diz que a homenagem aconteceu em todas as cidades do estado.

“A gente sabe que o que aconteceu com nosso companheiro foi uma fatalidade. O Comando da Polícia Militar decidiu fazer essa homenagem e aqui estamos nós para chamar a atenção da sociedade e mostrar que a polícia é parceira da sociedade. Somos nós que defendemos e lutamos pelo bem estar da sociedade no dia a dia”, afirma.

Morador de Cruzeiro do Sul, Pedro Correia Cabral, de 46 anos, diz ter ficado surpreso ao passar pelo local e ver a movimentação. “Quando vi esses carros parando e os policiais ficando perfilados, imaginei que fosse alguma operação que fossem fazer. É justo que eles façam isso, pois o colega deles morreu no trabalho, em defesa das pessoas”, defende.

Durante todo o dia, na sede do 6º Batalhão da Polícia Militar, a bandeira nacional permaneceu a meio mastro em continência ao militar. Após a manifestação os militares retornaram a sua rotina normal de serviço.

 

Com informações do G1.

Leia também

Receba nossas novidades

Av. Rodrigues Alves 60 – Centro – Cruzeiro do Sul AC.