Rio Branco, Acre, 27 de novembro de 2020

Verba dos Correios à natação terá corte após desempenho ruim no Rio

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest
Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email

O mau desempenho da natação na Olimpíada do Rio vai resultar em um grande problema para a Confederação Brasileira de Desportos Aquáticos (CBDA): o corte de boa parte da verba de patrocínio dos Correios.

De acordo com o Uol, a estatal ficou desapontada pelo fato de o contrato, iniciado em 1993, não ter resultado em nenhuma medalha nas piscinas na edição brasileira dos Jogos – a única conquista foi bronze de Poliana Okimoto na maratona aquática.

“Precisamos dar um alerta para as pessoas saberem que temos de sobreviver de acordo com as nossas receitas. Se os contratos terminam, temos de estar preparados. Mas, se as pessoas renovarem, pode ser outra coisa. Mas se todo mundo sinaliza, eu gostaria de estar avisado”, disse ao portal o diretor-executivo da CBDA, Ricardo de Moura.

Leia também

Receba nossas novidades

Av. Rodrigues Alves 60 – Centro – Cruzeiro do Sul AC.