Rio Branco, Acre, 23 de novembro de 2020

Estudantes fazem protesto contra queimadas

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest
Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email

As nuvens de fumaça e a quantidade de queimadas realizadas no Acre expõem a falta de consciência de parte da população que ainda insiste em realizar esse tipo de crime ambiental. Florestas inteiras já foram devastadas pelos incêndios. Até agora a Defesa Civil registrou 17.170 focos de calor só esse ano.

Diante disso, os alunos da escola Neutel Maia, no bairro do Bosque, resolveram fazer cartazes para realizar um manifesto e assim chamar a atenção da sociedade para o tema.

Conforme a diretora da escola, Raquele Nasserala, muitos estudantes chegaram a passar mal durante as aulas e por esse motivo tiveram a iniciativa de fazer o manifesto. “Ontem nós tivemos uma serie de problemas aqui na escola, alguns alunos passaram mal, dificuldade de respirar, alguns desmaiaram. Professores passaram mal, funcionário da escola, todos apresentando os mesmo sintomas, e hoje eles pediram pra organizar esse manifesto.”

Preocupados com o próprio futuro, para evitar a destruição da natureza e cuidar da saúde de todos, eles decidiram agir e por isso pedem a colaboração dos adultos. “Está afetando alguns alunos e também os idosos, todo mundo, então precisamos parar de queimar.” Disse a estudante Geovana Rodrigues.

A estudante Lorrana Camili também fez o apelo, “está muito difícil de estudar por causa da fumaça, os alunos ficam passando mal, a gente não se concentra. Só queríamos que parassem de queimar.”

Leia também

Receba nossas novidades

Av. Rodrigues Alves 60 – Centro – Cruzeiro do Sul AC.