Rio Branco, Acre, 29 de novembro de 2020

Polícia prende Tenente suspeito de relações com facções criminosas

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest
Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email

O subtenente da reserva do Corpo de Bombeiros José Augusto Rufino foi preso na Operação Êxodo. Ele está aquartelado no prédio da corporação. A Polícia Civil assegura que comprova a participação em facções criminosas, tráfico de drogas e transporte de armas.

“Ele era visto como um homem de confiança da organização com papel fundamental de articulação logística”, assegurou o coordenador da operação que prendeo o militar, Odilon Vinhabeli Neto. A fonte não confirma a informação de que o subtenente teria ameaçado a juíza da vara de Execuções Penais, Luana Campos.

A Associação dos Praças do Corpo de Bombeiros está garantindo a defesa do militar. Alega que ainda não teve acesso ao processo e critica o que classifica como “pirotécnica da Operação Êxodus”.

José Rufino foi preso na última sexta-feira, um dia após os demais presos.

Leia também

Receba nossas novidades

Av. Rodrigues Alves 60 – Centro – Cruzeiro do Sul AC.