Rio Branco, Acre, 23 de novembro de 2020

Pescadores vão ter que se recadastrar para receber Seguro Defeso em Cruzeiro do Sul

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest
Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email

Os pescadores de Cruzeiro do Sul vão ter que passar por um recadastramento para receber o Seguro Defeso no município. As colônias de pescadores vão ficar responsáveis pelo cadastro, que inicia no dia 16 deste mês. De acordo com o presidente da Colônia de Pescadores do município, Elenildo Nascimento, há no município 2,3 mil associados. Ele informou ainda que o benefício começa a ser pago a partir de 15 de novembro.

Presidentes das colônias de todo o estado participaram de uma capacitação, na semana passada, no Instituto Nacional de Seguridade Social (INSS) em Rio Branco para saber detalhes de como realizar o recadastramento.

A Superintendência Federal de Aquicultura e Pesca do Acre informou, em janeiro deste ano, que em todo o estado existiam 15, 7 mil pescadores cadastrados, sendo que 5, 7 mil estavam sob investigação da Polícia Federal (PF), por receber o benefício indevidamente.

Devido à investigação, o benefício foi suspenso e os pescadores não estavam receberam o dinheiro. Nascimento esclarece que quem vai deferir se o pescador tem direito ao seguro é o INSS.

“Participei de um treinamento no INSS para receber orientações quanto ao preenchimento do recadastramento. Nossa intenção é que a partir de 15 de novembro os pescadores já recebam a primeira parcela do benefício. Vamos receber os documentos, preencher os formulários e enviar ao INSS”, explicou.

O presidente da colônia disse ainda que a intenção é programar o recadastramento para evitar grandes filas. “Vamos dividir os pescadores de acordo com a letra inicial do nome. Eles vão ter que apresentar a carteira de pescador profissional atualizada, RG, CPF e as notas fiscais que o pescador pescou e passou o peixe pelo mercado. A intenção é evitar pagamentos indevidos”, falou.

Seguro Defeso
O Seguro Defeso é um benefício pago ao pescador artesanal que fica proibido de exercer a atividade pesqueira durante o período de defeso de algumas espécies. A partir de abril de 2015, a habilitação e concessão do Seguro Defeso passaram a ser feitas pelo INSS, que fez um acordo com as colônias de pescadores para o preenchimento dos formulários.

Leia também

Receba nossas novidades

Av. Rodrigues Alves 60 – Centro – Cruzeiro do Sul AC.