Rio Branco, Acre, 24 de novembro de 2020

Tecnologia impulsiona produção de milho no Acre

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest
Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email

Durante esta segunda-feira, 17, o secretário de Agricultura e Pecuária do Acre (Seap), José Carlos Reis, fez uma visita a agricultores que estão ajudando o estado a aumentar sua produção de milho. Nas propriedades rurais, o ritmo é intenso, já que é nesta época do ano que os produtores começam o plantio das sementes que, dentro de 120 dias, se tornarão espigas e estarão prontas para serem colhidas.

Para o aumento da área de produção e o crescimento da produtividade a aposta vem da tecnologia. É o caso do agricultor Ronnivon Passarine, da região da Vila Pia, Km 53 da BR-317, sentido Boca do Acre, que há 11 anos investe nas lavouras de milho. Em uma década, a área plantada saltou de 80 para 650 hectares.

A estimativa de colheita da próxima safra do agricultor é de 78 mil sacas de milho. O que corresponde a três mil toneladas do grão.

Para chegar a esses números é preciso alcançar uma média de produtividade de 120 sacas de milho por hectare. O que somente é possível graças ao investimento em tecnologia. “Para alcançar bons resultados é preciso investir no preparo da terra, na semente, no adubo e no fertilizante correto. Outro fator importante para conseguir uma alta produtividade é a época certa para o plantio e para a colheita”, destaca Passarine.

O responsável técnico da Seap na região, Nilton César, explica que o custo de produção no Acre é maior que em outros lugares do país, mas como as condições de solo e clima favorecem o cultivo do milho, o grão produzido no Acre consegue ser competitivo. “Para alcançar uma produtividade em torno de seis a sete mil quilos de milho por hectare, conseguimos reduzir 80% a quantidade de adubo e ureia fertilizante”, afirma.

Governo estima 15 mil hectares plantados de milho

Assim como Ronnivon Passarine, o governo do Acre, por meio da Seap, tem fortalecido a parceria com os agricultores para o crescimento da produção de milho. O grão é a base para a fabricação das rações de peixes, aves e suínos. Cadeias produtivas que tem recebido fortes investimentos públicos e privados no estado.

A estimativa é que nesta safra sejam plantados 15 mil hectares de milho em todo o Acre. “Esse crescimento ocorre, principalmente, porque esses produtores da agricultura empresarial confiam no governo. Aliado aos investimentos em silos e máquinas estamos nos credenciando para conseguir a autossuficiência em algumas cadeias produtivas”, afirma José Carlos Reis, titular da Seap.

 

Com informações da Agência de Notícias do Acre.

Leia também

Receba nossas novidades

Av. Rodrigues Alves 60 – Centro – Cruzeiro do Sul AC.