Rio Branco, Acre, 30 de julho de 2021

Polícia Civil prende líder de bando especializado em roubo de carro no Acre

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest
Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email

A Polícia Civil prendeu, nesta terça-feira (31), na Estrada Apolônio Sales, em Rio Branco (AC), o homem apontado como líder de uma quadrilha especializada em roubo de carros, que agia nas regiões do alto e baixo Acre. Riderson Carlos Ribeiro Rocha, 32, foi preso nesta manhã por agentes da Delegacia Especializada de Combate ao Roubo e Extorsão (Decore).

Até ser preso, segundo a polícia, Rocha era suspeito de praticar várias extorsões, a partir do roubo de veículos aqui no Brasil. Contra o criminoso, que atuava também na região de fronteira com a Bolívia e no Estado de Rondônia, foram realizadas conduções coercitivas. Ainda segundo investigações da polícia, ele chegou a iniciar extorsões horas após o roubo de uma caminhonete, inclusive postando fotografias do veículo tomado em assalto.

O CRIME

Segundo o delegado Alcino Júnior, com auxílio de integrantes do bando que atua do lado boliviano, Riderson Rocha identificava as vítimas no Brasil e se oferecia para intermediar a repatriação “ilegal” do carro roubado. Se alto intitulava interlocutor entre os criminosos e as vítimas, usando crimes já praticados por ele e sua quadrilha para dá base a extorsão; os preços, conforme o delegado, variam de acordo com o valor de mercado de cada veículo.

“Essa quadrilha é extremamente violenta com expertise na prática de extorsão. Uma pessoa está presa com autorização da justiça e outras pessoas já foram identificadas como parte da quadrilha e outras prisões podem ocorrer nos próximos dias”, disse Emylson Farias, secretário de segurança pública.

A prisão de Rocha fez com que vítimas do bando liderado pelo investigado fossem até a sede do DIC, para reconhecimento no final da manhã desta quinta-feira. “Há meses a polícia investiga essa quadrilha. O trabalho vai continuar firme, já identificamos mais de 10 vítimas”, ponderou Alcino.

ALEAC

Leia também

Receba nossas novidades

Av. Getúlio Vargas n. 22 – Salas 7 e 8 – Centro – Cruzeiro do Sul AC.

error: Alert: O conteúdo está protegido !!