Rio Branco, Acre, 1 de outubro de 2020

Ex-porta voz de Gladson se lança pré-candidato a prefeito

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest

O jornalista Rogério Wenceslau, ex-porta-voz do Governo de Gladson Cameli, promove na próxima segunda-feira (20) o lançamento de sua pré-candidatura a prefeito de Rio Branco pelo Partido Social Liberal. O evento será realizado às 10 horas, na sede do PSL (Avenida Ceará, 320, bairro da Habitasa).

“Nós estamos no jogo. E para ganhar”, disse Venceslau na noite desta quarta-feira (14) ao ac24horas. O anúncio de sua pré-candidatura chega no momento outro pesselista ilustre, o ex-prefeito de Acrelândia Tião Bocalom, recebe um passa-fora do presidente do PSL, Pedro Valério.

Se depender da vontade de Valério, o atual presidente da Emater do Acre não terá a legenda do PSL para ser pré-candidato a prefeito de Rio Branco. “Cabe ao presidente resolver”, observa Venceslau, alertando que o PSL é um partido independente, que está fora da gestão de Gladson Cameli –e Tião Bocalom integra a equipe governista.

O jornalista garante que sua pré-candidatura não leva mágoa do Governo do Estado, de onde saiu em meio à polêmicas políticas. “Não faço política por mágoa, raiva… faço por ideal”, assegura.

Venceslau explicou que em maio o PSL realiza uma pesquisa para definir, com base na opinião do eleitor, quem será de fato o candidato do partido a prefeito da capital. Até lá, os dias serão de debate sobre o que é melhor para a população de Rio Branco.

Sobre o presidente Jair Bolsonaro, que está criando o Aliança Pelo Brasil, o jornalista diz que o PSL segue apoiando o mandato presidencial. Apesar da decisão de Bolsonaro, o PSL avalia que não diminuiu de tamanho. “Ele é o presidente da República, um filiado ilustre –quem não quer? Mas o PSL não mudou com sua saída”, diz.

  • Por Edmilson Ferreira.

Leia também

Receba nossas novidades

Av. Rodrigues Alves 60 – Centro – Cruzeiro do Sul AC.