Para tratamento de Covid-19, Hemonúcleo de Cruzeiro do Sul inicia coleta de plasma convalescente

Como alternativa para o tratamento do Covid-19 em pacientes em estado grave, o plasma convalescente está sendo utilizado em diversas unidades de saúde. Em Cruzeiro do Sul,  a coleta do material teve inicio na segunda-feira (13), no Hemonúcleo local. Os pacientes interessados em participarem da doação devem atender alguns critérios, como já ter contraído a doença e se mulher nunca ter engravidado.

A gerente do Hemonúcleo em Cruzeiro do Sul, Diani Carvalho, explicou que os demais critérios são analisados na triagem realizada no órgão.

“O Hemonúcleo iniciou na última segunda-feira (13)  a coleta de plasma convalescente. O candidato tem que apresentar o comprovante que já teve a doença, e mulheres que já engravidaram não podem fazer a doação, os demais critérios serão avaliados durante a triagem clínica. Pedimos o apoio da população, pois este é mais um ganho para saúde do Juruá, sendo mais uma oportunidade e possibilidade de tratamento”, ressaltou Diane.

A gerente explicou que as pessoas que já contraíram o Covid-19 possuem anticorpos no plasma, que servem para ajudar outros pacientes que estão em estado grave.

“As pessoas que já foram contaminadas pelo coronavírus têm no seu plasma esse anticorpos, que funciona como uma espécie de vacina naqueles que ainda passam pelo processo da doença”, disse a gerente.