Ações no interior têm a coordenação de novos delegados

Na semana passada, o governo do Acre, por meio da Direção Geral da Polícia Civil, apresentou os novos policiais civis (delegados, agentes, escrivães e auxiliares de necropsia) que passaram a atuar no interior do estado. Todos os municípios, com exceção de Brasileia e Epitaciolândia que serão contemplados em ocasião posterior, receberam reforço no seu contingente policial e, em menos de 72 horas após se integrarem às equipes, já efetuaram prisões e coordenaram ações de combate à criminalidade.

Na cidade de Assis Brasil, o delegado Judson Barros Pereira realizou sua primeira ação e prendeu um homem de 18 anos, acusado de participar de arrombamento a dois estabelecimentos comerciais na cidade, no último final de semana.

As investigações para identificar outros suspeitos do furto seguem sob a coordenação do delegado. No sábado, 11, menos de 24 horas após assumir a delegacia de Feijó, o delegado recém-empossado Arruaires Bezerra de Lima,  participou do cumprimento de um mandado de prisão de um homem que descumpriu medidas cautelares protetivas em razão de violência doméstica contra duas irmãs.

Na manhã desta terça-feira, 14, o delegado de Capixaba, Gustavo Mendes, supervisionou a Operação Rusticus, coordenada pelo delegado Carlos Bayma. Na ocasião foram cumpridos 5 mandados de prisão, sendo 2 de sentença condenatória por crimes de homicídio e falsificação, 3 preventivas por crimes de roubo e estupro, além de 3 mandados de busca e apreensão com a retenção de arma, dinheiro e outros objetos oriundos de ilícitos.

Ao todo, 29 policiais entre novos e antigos participaram da operação que tinha o objetivo de prender indivíduos em conflito com a lei.

“Esse é o trabalho da Polícia Civil, combater a criminalidade com inteligência, eficiência e com técnicas apuradas de investigação. Os novos colegas policiais vieram para somar e isso está refletindo direto em nossas ações. Cidades que estavam há vários anos sem a presença permanente de um delegado, como no caso de Feijó e Assis Brasil, hoje já têm delegados que assumiram seus postos e já foram a campo e realizaram as primeiras prisões”, destacou José Henrique Maciel Ferreira, delegado-geral da Polícia Civil do Acre.

No ultimo sábado, 11, durante a solenidade de apresentação dos novos policiais que ficarão no Juruá, o governador Gladson Cameli anunciou que a equipe econômica do governo está trabalhando para contratar mais 50 novos policiais civis nos próximos meses, e estes irão reforçar ainda mais as delegacias do interior.

Fonte: Agência de Notícias do Acre.