No Acre, homem é morto com tiro na cabeça e tem crânio perfurado por uma barra de ferro

Um homem identificado pela polícia apenas como Agnaldo foi encontrado morto com marcas de agressões por barra de ferro e com vários tiros na cabeça na noite desta sexta-feira (31) em uma área de mata localizada na Travessa da Afeletro, no bairro Santa Quitéria, em Rio Branco.

De acordo com informações repassadas ao ac24horas, por volta das 23h, enquanto retornava para sua casa, a vítima foi abordada pelos criminosos que o obrigaram a entrar na área de mata e o executaram com dois tiros na cabeça, a vítima ainda teve o seu crânio perfurado por uma barra de ferro.

Agnaldo foi encontrado por um popular que passava pela região. A polícia foi acionada via Ciosp e quando chegou ao local se deparou com a vítima caída em uma área de mata. A ambulância do suporte avançado do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) foi acionada, mas homem já estava morto.

Segundo informações de moradores, Agnaldo é morador da região, vivia sozinho em uma casa e, era dependente químico. Horas antes de ser morto,  Agnaldo chegou ainda avisar aos vizinhos que havia três homens armados em baixo de uma árvore próximo a sua residência.

A área foi isolada pela Polícia Militar para os trabalhos do perito em criminalística. O corpo foi removido e encaminhado ao Instituto Médico Legal (IML), para os exames cadavéricos e identificação. A polícia não soube informar a motivação do crime. O caso segue sob investigação pela Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP).

*As informações são de David Sahid, do AC24horas.