Rio Branco, Acre, 30 de setembro de 2020

Gladson abre curso que capacitará agentes de Segurança Pública do Acre

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest

O governador Gladson Cameli fez a abertura da aula inaugural do Curso Operacional Integrado (COI), na manhã desta sexta-feira, 11. A capacitação contemplará mais de 4 mil profissionais da Polícia Militar, Polícia Civil, Corpo de Bombeiros, Instituto de Administração Penitenciária (Iapen) e Instituto Socioeducativo (ISE). Além de inédita, a iniciativa sela um marco histórico na área da Segurança Pública e demonstra o respeito e a valorização do governo do Estado pelos servidores públicos acreanos.

Em suas palavras, Gladson reafirmou seu compromisso e admiração pelos aguerridos agentes de segurança. O gestor destacou ainda os investimentos que estão sendo feitos para melhorar as condições de trabalho, bem como assegurar o firme enfrentamento contra a criminalidade.

“Uma Segurança Pública forte se faz com profissionais motivados, capacitados e com todo o aparato necessário. Desde o início da nossa gestão, temos trabalhado muito para garantir o melhor para esses guerreiros, que tanto estimo e faço questão de elogiá-los sempre que posso. Já contratamos novos policiais, adquirimos novas viaturas, fardamento, pagamos gratificações e continuaremos em busca de novos investimentos”, declarou Cameli.

Cumprindo agenda no Acre, o governador de Mato Grosso, Mauro Mendes, elogiou a determinação do governo acreano em qualificar os integrantes das forças estaduais de segurança. “Este programa é muito importante para que melhores resultados sejam produzidos pelos profissionais e, consequentemente, quem ganha é a população”, frisou.

Governo investirá mais de R$ 1,8 milhão na capacitação de servidores da Segurança Pública
Com um total de 60 horas, o Curso Operacional Integrado será ministrado nos níveis estratégico, tático e operacional com disciplinas voltadas para o exercício de funções específicas das atividades de Segurança Pública. Os profissionais serão capacitados nas seguintes áreas: Abordagem a veículos e pessoas (10 horas); Armamento, munição e tiro (30 horas); Técnica de uso de algema (5 horas); Sobrevivência policial (10 horas); e palestras (5 horas).

De acordo com o secretário de Justiça e Segurança Pública, Paulo Cezar Rocha dos Santos, o investimento por parte do governo acreano em seus servidores ultrapassa R$ 1,8 milhão. O objetivo, de acordo com o gestor, é que este tipo de treinamento seja realizado a cada dois anos.

“Garantir a qualificação dos nossos servidores foi uma prioridade nossa desde que assumimos a Secretaria de Justiça e Segurança Pública. Queremos estabelecer, de agora em diante, iniciativas como esta para que possamos melhorar, cada vez mais, a qualidade dos nossos policiais e agentes de segurança, para que possamos transformar a realidade local”, pontuou.

O curso será realizado, preferencialmente, no Centro Integrado de Ensino e Pesquisa em Segurança Pública (Cieps) e ocorrerá semanalmente, com no mínimo duas turmas de 30 alunos, pelo prazo de um ano, podendo ser prorrogado, em caso de necessidade.

Para o diretor-presidente do Iapen, Arlenilson Cunha, o treinamento em conjunto entre as instituições será fundamental para aperfeiçoar o conhecimento dos profissionais. “Esse curso simboliza a integração e qualificação de todos os agentes de Segurança Pública. O governo faz um investimento muito alto no aperfeiçoamento do intelecto e operacional dos nossos policiais”, disse.

Já o diretor-geral da Polícia Civil, delegado Josemar Portes, ressaltou o afinco do governo estadual, por meio da Sejusp, para a realização do curso operacional. “As forças de segurança precisam, cada vez mais, estar capacitadas e este aperfeiçoamento precisa ser continuado, esforço que vem sendo feito pela Secretaria de Segurança Pública. A Polícia Civil contribui com o fornecimento de instrutores e o público-alvo para que possamos prestar um serviço adequado à demanda criminosa”, argumentou.

O evento realizado no auditório da Biblioteca Pública Estadual, em Rio Branco, contou com a presença do secretário da Casa Civil, José Ribamar Trindade; do comandante-geral da Polícia Militar do Estado do Acre, coronel Paulo César Gomes; do comandante-geral do Corpo de Bombeiros, coronel Carlos Batista; do diretor-presidente do Instituto Socioeducativo, Rogério Silva; e agentes de segurança pública.

Leia também

Receba nossas novidades

Av. Rodrigues Alves 60 – Centro – Cruzeiro do Sul AC.