Rio Branco, Acre, 28 de outubro de 2020

Cidades acreanas recebem quase R$ 1 milhão para saúde de indígenas e moradores de rua

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest
Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email

O Acre receberá mais de R$ 914,3 mil para promover, entre outras ações, atendimento em saúde às populações dispersas; população indígena não aldeada; populações do campo, da floresta e das águas; população ribeirinha; população assentada; população quilombola; população em situação de rua; povo cigano; população circense; população privada de liberdade; adolescentes em cumprimento de medida socioeducativa; população residente em áreas de comunidades e favela.

Pelo menos 224 unidades de saúde da família serão atendidas nos 22 municípios acreanos. Os recursos servem para diferentes ações, como realizar a estratificação de risco das pessoas com sintomas de síndrome gripal ou com suspeita ou confirmação de Covid-19 para identificação e atenção aos casos leves e encaminhamento seguro e imediato de casos graves aos serviços especializados de referência; e atualizar e qualificar os dados cadastrais da população acompanhada pelas equipes e serviços da APS, com o preenchimento obrigatório de informações autodeclaradas como os campos raça, cor ou etnia nos casos de povos e comunidades tradicionais.

Fonte:Ac24horas.

Leia também

Receba nossas novidades

Av. Rodrigues Alves 60 – Centro – Cruzeiro do Sul AC.