Rio Branco, Acre, 22 de outubro de 2020

Engenheiro florestal ligado a Major Rocha é exonerado de diretoria do Imac e vice-governador diz: “É para me atingir”

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest
Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email

O engenheiro Florestal Ranieldo Morais foi exonerado nesta sexta-feira (25) do cargo de diretor executivo do Instituto de Meio Ambiente do Acre (Imac).

Ranieldo foi nomeado em janeiro de 2019, início do atual governo. Era próximo ao vice-governador Major Rocha, embora não tenha sido indicado ao cargo pelo militar. Ele trabalhou no grupo técnico que elaborou o licenciamento ambiental para autorização da construção da estrada que liga Cruzeiro do Sul e Pucallpa, no Peru. Tem grande capacidade técnica em estudos ambientais e seus variados temas.

Por telefone, o engenheiro não quis polemizar sobre sua saída, mas disse que sequer foi avisado sobre sua exoneração antecipadamente. Ele ainda afirmou que a única razão de sua exoneração é política, já que sempre cumpriu com os critérios técnicos exigidos para o cargo.

Já o vice-governador Major Rocha acredita que o desligamento seja para atingi-lo. “Tenho certeza que foi para me atingir. Dos nomeados para cargos em comissão do Imac o Ranieldo era um dos mais capacitados. É uma pena que isso tenha acontecido. Estamos retrocedendo.”

EXONERA

Fonte:Notícias da Hora.

Leia também

Receba nossas novidades

Av. Rodrigues Alves 60 – Centro – Cruzeiro do Sul AC.