Rio Branco, Acre, 27 de outubro de 2020

22 venezuelanos vêm ao Acre e se instalam em abrigo na capital

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest
Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email

Após 15 dias de liberação das fronteiros, o Acre recebeu o um grupo com 22 venezuelanos. Mesmo durante a pandemia, os imigrantes vêm pelo Peru e tentam seguir para outros estados do Brasil em busca de oportunidades de trabalho.

Os venezuelanos chegaram em Rio Branco em uma van cedida pela Secretaria de Estado de Assistência Social, dos Direitos Humanos e de Políticas para Mulheres (SEASDHM) no dia 25 deste mês. Após chegar à capital acreana, o grupo foi abrigado no Centro Dias, onde está recebendo, além de abrigo, refeições diárias.

“Estamos aqui desde a última sexta-feira [25], abrigando por conta dessa crise que vem se alastrando na Venezuela e também pela questão da pandemia. Com a fronteira fechada, eles não podiam passar. Agora que reabriu, eles acharam melhor seguir viagem e nós vimos a necessidade de criar um espaço com uma boa estrutura para recebê-los”, explica a assistente social da equipe técnica do Núcleo de Migração e centro de Referência de Atendimento da SEASDHM, Jerusa de Almeida Santos.

O abrigo tem capacidade para receber até 30 pessoas. “Nós temos essa parceria junto com os municípios de Brasileia, Epitaciolândia, Assis Brasil e lá eles fazem toda essa triagem, todo processo de documentação, nos repassam e a secretaria vai buscá-los e traz para Rio Branco”, salienta Jerusa.

Leia também

Receba nossas novidades

Av. Rodrigues Alves 60 – Centro – Cruzeiro do Sul AC.