Rio Branco, Acre, 27 de outubro de 2020

Vídeo: Jornalista mostra restos de avião que caiu há 49 anos no Acre

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest
Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email

Os restos do avião que caiu em 1971, em Sena Madureira, e que vitimou a então maior autoridade religiosa do Acre, o bispo Dom Giocondo, ainda podem ser vistos no exato local do acidente.

Nas últimas horas, o jornalista senamadureirense Edinaldo Gomes foi até a área com o pesquisador Marcos Sampaio gravar uma matéria para o Canal Zap, nas redes sociais.

Eles mostraram aos espectadores peças do motor, restos de fuzelagem e da turbina, os pés que sustentavam o trem de pouso e parte da asa.

Os objetos fazem parte de um memorial a céu aberto criado pelo falecido padre Paulino Baldassari como forma de lembrar a população do terrível acidente que vitimou todos os 33 passageiros

O avião era de médio porte e apresentou problema no motor pouco tempo após decolar. Ele perdeu forças no ar e, ao pousar, se chocou contra árvores e explodiu.

  • Por Leandro Chaves, do Contilnet.

Leia também

Receba nossas novidades

Av. Rodrigues Alves 60 – Centro – Cruzeiro do Sul AC.