Rio Branco, Acre, 20 de outubro de 2020

“Nunca dependi ou dependerei de qualquer grupo político. Sou do povo”, diz juiz afastado

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest
Redação Juruá Em Tempo
Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email

O juiz eleitoral Giordane Dourado se pronunciou nas redes sociais na noite de sexta-feira (16) após ser afastado pelo Tribunal Regional Eleitoral (TRE) das suas funções na 9ª Zona Eleitoral de Rio Branco.

Giordane foi afastado a pedido do Ministério Público Eleitoral do Acre por ser esposo de uma funcionária do deputado Roberto Duarte Junior (MDB).

O juiz lamentou a decisão do TRE e afirmou que “nunca dependi ou dependerei de qualquer grupo político, até porque sou vitalício”.

Confira a publicação de Giordane:

Venho de família humilde. Estudei a vida inteira em escola pública. Nunca fiz cursinho particular. Formei-me na Universidade Federal do Acre. Passei no concurso da Magistratura aos 24 anos. Tenho quase duas décadas na magistratura e sou juiz de carreira. Nunca dependi ou dependerei de qualquer grupo político, até porque sou vitalício. Fui eleito duas vezes pelos próprios magistrados, com votação expressiva, para presidir a Associação dos Magistrados do Acre – ASMAC.

Sou do povo, interajo com o povo e não cultuo qualquer vaidade relacionada ao meu cargo, o qual, aliás, ocupo para servir da melhor forma possível à sociedade. Jamais tive meu nome envolvido em qualquer acusação de ilícitos ou em escândalos de qualquer natureza.

Acho que não preciso falar mais nada a meu respeito.

Leia também

Receba nossas novidades

Av. Rodrigues Alves 60 – Centro – Cruzeiro do Sul AC.