Rio Branco, Acre, 27 de novembro de 2020

Após Operação da PF, sessão que analisaria o nome de Ribamar Trindade deve não acontecer

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest
Com informações do Notícias da Hora
Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email

Após deflagração da Operação Dirty Safe pela Polícia Federal na Assembleia Legislativa, na manhã desta quinta-feira (29), a sessão que estava marcada para as 10 horas foi cancelada. A pauta não foi divulgada, mas acredita-se que entre outras matérias, os deputados analisariam o nome de José Ribamar Trindade para a vaga de conselheiro do Tribunal de Contas do Estado.

O nome dele foi apresentado ontem (28) pelo governador Gladson Cameli (Progressistas) ao Parlamento, após o Pleno do TJAC denegar mandado de segurança coletivo em favor de Maria de Jesus Carvalho de Souza.

A Operação Dirty Safe pela Polícia Federal foi um balde de água fria nos planos do governo de emplacar com rapidez Ribamar Trindade. Com isso, a defesa de Maria de Jesus ganha um fôlego ao recorrer às instâncias superiores. Nos bastidores há conversas que a sessão foi cancelada, isso porque o presidente Nicolau Júnior não presidirá. A base governo não pretende colocar uma matéria delicada como essa no colo do deputado Jenilson Leite (PSB) tido como oposição ao Palácio Rio Branco.

Nesta operação da PF, o presidente Nicolau Júnior foi afastado das funções cautelarmente por ordem do Tribunal Regional Federal da 1ª Região.

  • Por José Pinheiro.

Leia também

Receba nossas novidades

Av. Rodrigues Alves 60 – Centro – Cruzeiro do Sul AC.