Rio Branco, Acre, 25 de novembro de 2020

Juiz eleitoral de Cruzeiro do Sul afirma que não houve irregularidades na contagem de votos

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest
Por Redação Juruá Em Tempo.
Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email

O juiz Marlon Machado, titular da 4° Zona Eleitoral, em Cruzeiro do Sul, afirmou que as urnas foram auditadas e que tudo funcionou bem no domingo, ou seja, não houve irregularidades.

De acordo com o Juiz Marlon Machado, houve foi um atraso na apuração e divulgação do resultado. O conselho é que os candidatos se esforcem mais na busca por votos.

“Não há nada de errado com as urnas ou a totalização dos votos. Só houve atraso. Se os candidatos não tiveram os votos que esperavam, eu sinto muito mas têm que se dedicar mais nas próximas eleições. Se esforcem mais”.

Na última terça-feira, 20, cerca de 100 candidatos derrotados em Cruzeiro do Sul foram à sede do Tribunal Regional Eleitoral e protestaram contra o que consideraram irregularidades. No domingo, durante a apuração dos votos, o site do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) parou a contagem dos votos por um período.

Leia também

Receba nossas novidades

Av. Rodrigues Alves 60 – Centro – Cruzeiro do Sul AC.