Rio Branco, Acre, 22 de janeiro de 2021

“Bocalom nem assumiu e já quer retirar o direito da passagem de 1 real dos estudantes”, critica Forneck

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest
Redação Juruá em Tempo
Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email

O líder do Partido dos Trabalhadores (PT) na Câmara de Rio Branco, Rodrigo Forneck, fez duras críticas ao pronunciamento do prefeito eleito, Tião Bocalom (PP), que deu entrevista afirmando que vai cortar o subsídio da passagem de R$ 1 para estudantes da rede estadual de ensino.

“Se o prefeito eleito anuncia que não vai mais pagar o subsídio da passagem de um real para os estudantes da rede estadual de ensino, ele já está retirando direitos. Ele foi claro, mesmo que seja aprovado, e nós vamos aprovar o subsídio para o ano que vem, ele não tem a intenção de pagar. E se o governador não pagar? Como ficam os estudantes?”, indagou Forneck.

A passagem de ônibus de R$ 1 real para estudantes da rede municipal e estadual de Rio Branco foi instituído na gestão do então prefeito Marcus Alexandre (PT), em 2013, com maciça participação do movimento estudantil.

“Começar 2021, uma nova gestão, rasgando um direito da juventude é um crime”, endossou Rodrigo.

Ascom Rodrigo Forneck

Leia também

Receba nossas novidades

Av. Rodrigues Alves 60 – Centro – Cruzeiro do Sul AC.