Rio Branco, Acre, 5 de março de 2021

Com período de chuvas, ribeirinhos do rio Juruá sofrem com enchentes e desbarrancamentos

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest
Com reportagens de Beatriz Santos, do Juruá Em Tempo.
Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email

O período de chuvas chegou atrasado, mas chegou com força total na região do Vale do Juruá. Só nas últimas 24 horas, o rio subiu 90 centímetros e assustou os ribeirinhos da região do bairro Miritizal.

Por sua localização, o bairro costuma ficar alagado nesse período de chuvas. Seu Manoel Gonçalves, de 65 anos, mora na região há 40 anos e conta como costuma ser esse período de chuvas.

“Essa semana tem subido muito e toda vez que sobe é assim; quando desce é uma quebradeira enorme. Não sabemos mais nem o que fazer”.

O morador Gilmar Silva, de 38 anos, explica que além das enchentes a grande quantidade de água causa desbarrancamentos; principalmente, quando o nível do rio começa a baixar.

“Falta energia, fica tudo difícil; até pra sair de casa. Todo ano é essa peleja; a rua está quase sendo levada pela água. Hoje não temos nem representante de bairro, nós mesmo que arrumamos a rua” (sic).

Segundo o coordenador da Defesa Civil, José Lima, a previsão é de muita chuva para os próximos dias.

“O inverno está bastante forte, elevando o volume de água do rio. Começamos a visitar as famílias e estamos atentos ao momento em que o rio atingir a cota de alerta, que deverá ocorrer nesse final de semana. A previsão é de muita chuva para os próximos dias. Por isso é provável que o rio suba bastante”.

O órgão segue fazendo o monitoramento diário.

Leia também

Receba nossas novidades

Av. Getúlio Vargas n. 22 – Salas 7 e 8 – Centro – Cruzeiro do Sul AC.