Rio Branco, Acre, 26 de fevereiro de 2021

Coluna Mente Aberta: A imagem que defendemos

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest
IB
Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email

Acredito que seja de conhecimento de todos o quanto as pessoas ao nosso redor se esforçam para manter uma imagem. Em algum momento, se tornou comum adotar imagens das quais as pessoas precisam preservar ou se esforçam, por assim dizer. Na nossa sociedade atual é muito difícil se deparar com alguém que consiga ser completamente aberta a respeito de si mesmo. O que eu quero propor aqui é apenas uma análise cuidadosa sobre esse tema.

O pensamento que me fez querer escrever a respeito disso veio, literalmente, um segundo antes de eu começar a escrever sobre esse tema. Essa não é uma informação relevante para o texto, mas acredito que quando têm pessoas nos acompanhando, quase todas as semanas, seria interessante ter esse tipo de informação; é uma forma de deixar transparecer a vocês um pouco do caráter do escritor. Para alguns, talvez isso seja importante; principalmente, quando se trata de um escritor que ainda não revelou sua identidade. Bom… tendo tido esse momento de aproximação, podemos seguir adiante com o tema desse texto. Desculpe por tomar seu tempo com isso.
Quando se trata do estado da nossa sociedade atual é quase indispensável tomar esse tipo de atitude: preservar a aparência, tanto na questão física quanto a personalidade. Não há nenhum problema nisso, é uma questão do qual simplesmente precisamos aceitar que essa parece ser a forma como o mundo funciona.
O que impede uma pessoa de ser sincera e falar abertamente sobre algo? Nem precisa ser a respeito dela mesma. Pessoas quando falam pela internet, conseguem falar abertamente sobre todos os tipos de temas; mas, quando estão de frente com as pessoas, pessoalmente, de forma presencial, se calam sobre quase tudo que vai além de uma simples conversa.
Acredito que isso esteja ligado às opiniões que as pessoas ao seu redor podem ter de você; sendo isso um dos principais fatores que motivam esse cuidado com as aparências. Esse pensamento é o que te impede de usar àquela camisa estranha quando sai de casa, ou de falar algo que soe mal durante uma conversa. As pessoas estão constantemente moldando a si mesmas quando de frente com outras pessoas, escondendo suas imperfeições como se ninguém tivesse defeitos.
Isso, assim como em quase todos os meus textos, é apenas algo para refletir, não tenho nenhuma intensão pessoal. Apenas leia e veja o que absorve do que leu. Agradeço por ter lido até aqui; afinal, o que seria de um escritor sem seus fiéis leitores o acompanhando? De qualquer forma espero que tenham gostado desse texto.
Recentemente, recebi algumas sugestões de temas; como a de escrever sobre a vacina. Mas, sinceramente, não me interesso em escrever sobre esses temas, porque quero que essa seja uma Coluna em que todas as pessoas possam ler, independente do que acreditem.
Escrever sobre a vacina ou sobre temas que dependem de opiniões populares, de um jeito ou de outro, iria acabar dividindo meus leitores entre as pessoas que apoiam e as que pudessem se incomodar com o que digo; por essa razão que, pelo menos por enquanto, eu evito comentar sobre coisas assim.

Leia também

Receba nossas novidades

Av. Getúlio Vargas n. 22 – Salas 7 e 8 – Centro – Cruzeiro do Sul AC.