Rio Branco, Acre, 24 de fevereiro de 2021

Servidora é afastada após fingir vacinar idosa contra a Covid-19 em Alagoas

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest
Redação Juruá em Tempo.
Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email

No dia de início da vacinação para idosos a partir de 85 anos em Maceió, capital de Alagoas, a conduta de uma servidora da saúde chamou atenção e gerou muita polêmica.

No momento da aplicação da vacina contra a Covid-19, a servidora não injetou o imunizante e fingiu vacinar uma idosa de 97 anos. Tudo foi gravado por um celular e logo o vídeo viralizou nas redes sociais.

O prefeito da cidade, João Henrique Caldas, conhecido por JHC, disse, pelo Twitter, que a idosa se chama Lyzete e que o caso foi um fato isolado.

“Por causa disso, ordenei a mudança no protocolo de vacinação de Maceió. A partir de agora, o profissional de saúde terá que mostrar a seringa cheia antes da aplicação e vazia após o procedimento”, afirmou.

Após fingir a aplicação na idosa que estava em cadeira de rodas, a servidora foi afastada. Em nota, a Prefeitura de Maceió informou que, após a falha, uma equipe de saúde vacinou a idosa. “Informamos que foi determinado o afastamento da profissional envolvida, abertura de processo administrativo para investigação do caso e o acionamento do Ministério Público Estadual para uma apuração transparente do ocorrido”.

Fonte: CNN.

Leia também

Receba nossas novidades

Av. Getúlio Vargas n. 22 – Salas 7 e 8 – Centro – Cruzeiro do Sul AC.