Rio Branco, Acre, 22 de abril de 2021

Carreta com oxigênio para 16 mil pacientes tomba em serra no Rio

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest
Redação Juruá em Tempo
Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email

Caminhão que transportava uma carga de oxigênio teve pane no motor e tombou, na região serrana do Rio de Janeiro.

Volume transportado poderia atender 16 mil pacientes da Covid-19, e era avaliado em R$ 180 mil. No Brasil, seis estados apresentam situação preocupante no abastecimento de oxigênio hospitalar.

Uma carreta com oxigênio tombou na Serra de Petrópolis, na Região Serrana do Rio de Janeiro, na manhã desta segunda-feira (22), no sentido Juiz de Fora (MG), a partir da altura do km 96. Por causa do acidente, a subida da serra ficou totalmente interditada. 

O volume de oxigênio transportado poderia atender cerca de 16 mil pacientes infectados pela Covid-19, ou outras doenças respiratórias. De acordo com a emissora TV Bandeirantes, a carga era avaliada em R$ 180 mil.

Com o acidente, o gás oxigênio armazenado na carga precisou ser derramado e se espalhou pela pista, formando uma espécie de névoa branca. De acordo com a concessionária Concer, que administra a BR-040, a praça de pedágio no sentido Juiz de Fora também está interditada, com 1 km de retenção. 

A pista no sentido Rio de Janeiro opera normalmente. O acidente foi registrado às 9h35 após uma pane no motor do veículo.

Segundo a Concer, a carreta saiu do Rio de Janeiro com destino a Brasília. Dois ocupantes do caminhão tiveram ferimentos leves e foram levados para o hospital de Saracuruna, em Duque de Caxias, na Baixada Fluminense. 

“A recomendação de segurança é para aguardar o término do derramamento de todo oxigênio para então adotar as providências de liberação parcial do trecho.”, diz nota da Concer. 

Uma atualização, às 3h10, informou que a pista do acidente foi totalmente liberada. Dois guindastes foram alugados para destombar a carreta e colocá-la em um refúgio da pista.

CRISE DE OXIGÊNIO EM SEIS ESTADOS

O acidente ocorre em meio à crise de saúde no abastecimento de oxigênio de seis estados do País. O Ministério da Saúde alertou para uma situação preocupante no abastecimento de oxigênio hospitalar no Acre, Rondônia, Mato Grosso, Amapá, Ceará e Rio Grande do Norte. 

O cenário mais crítico é no Amapá, onde a Procuradoria pede uma ação imediata do governo.

O Gabinete Integrado de Acompanhamento da Epidemia de Covid-19 (Giac), da PGR, se reuniu nesta segunda-feira com membros da pasta para tratar do assunto. Estavam presentes representantes da White Martins, empresa de tanques de oxigênio. Segundo a PGR, ao longo do final de semana, o fluxo de abastecimento melhorou em Rondônia e Acre, onde o risco era maior.

Com informações Yahoo Notícias

Leia também

Receba nossas novidades

Av. Getúlio Vargas n. 22 – Salas 7 e 8 – Centro – Cruzeiro do Sul AC.