Rio Branco, Acre, 22 de abril de 2021

Edvaldo Magalhães cobra governo para que socorra ribeirinhos da região do rio Môa

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest
Assessoria.
Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email

O deputado Edvaldo Magalhães (PCdoB), que no último final de semana esteve visitando comunidades ao longo do Rio Môa e seus afluentes, disse que é preciso uma ação imediata da Defesa Civil Estadual e da Secretaria de Estado de Produção e Agronegócio (Sepa) para socorrer os pequenos agricultores e extrativistas, que perderam tudo com as cheias dos rios.

Edvaldo relatou a situação de moradores das comunidades São Pedro, Aquidabã, Zumira e Novo Recreio (Terra indígena Nawa). Em sua fala, ele citou que há casos em que as famílias perderam tudo, desde a residência até mesmo os paióis de milho, que armazenam a produção para ser dispensada aos animais ao longo do ano.

Em uma ação do gabinete solidário formado pelo gabinete dele e da deputada federal Perpétua Almeida, foram distribuídos sacolões às famílias, além de dialogar com mais de 100 famílias nestas quatro comunidades rurais.

“Os efeitos das águas permanecem. A cada temporada de chuva o rio volta a subir. As cheias dos igarapés fizeram um estrago danado nestas comunidades. Essa é uma situação que merece uma atenção especial. A Defesa Civil e a Secretaria de Produção precisam ir nestes lugares. A reconstrução das moradias dessas pessoas precisa de um ação do governo do Estado em parceria com as prefeituras”, disse o parlamentar.

Leia também

Receba nossas novidades

Av. Getúlio Vargas n. 22 – Salas 7 e 8 – Centro – Cruzeiro do Sul AC.