Rio Branco, Acre, 23 de abril de 2021

Fake News dificultam a vacinação contra a Covid-19 em Guajará, no Amazonas

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest
Assessoria.
Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email

Em todo o Brasil, as fakes news têm dificultado a imunização da população contra a Covid-19. Em Guajará, no Amazonas, muitos idosos têm apresentando resistência para a vacinação, por acreditarem em notícias falsas.

Desde o início da campanha de vacinação contra a Covid-19, iniciada em janeiro de 2021 em âmbito nacional, Guajará recebeu 350 doses da Vacina AstraZeneca e 956 doses da Vacina Coronavac. Essas doses foram direcionadas para profissionais de saúde e idosos, a partir de 60 anos.

As 956 doses da vacina Coronavac equivalem à primeira e segunda doses, ou seja, imunizam 478 pessoas do público alvo. Já as doses da AstraZeneca equivalem a uma dose única.

Até o momento, Guajará já vacinou 276 profissionais de saúde e 485 idosos com a primeira dose e 95 profissionais de saúde com a segunda.

“Infelizmente ainda estamos vendo resistência de alguns idosos em tomar a vacina, principalmente, por conta das fake news espalhadas nas redes sociais. Salientamos que a vacina não causa nenhum problema de saúde e, é sim, eficaz”, observa o prefeito Ordean Silva.

O município aguarda receber, nos próximos dias, mais doses de vacinas destinadas aos idosos a partir de 60 anos. “Ressaltamos que as doses estão chegando aos poucos, sendo que o público alvo da vez já vem definido pelo Ministério da Saúde”, salienta Ordean.

Leia também

Receba nossas novidades

Av. Getúlio Vargas n. 22 – Salas 7 e 8 – Centro – Cruzeiro do Sul AC.