Rio Branco, Acre, 18 de abril de 2021

Governo desmente sindicato e diz que não faltam EPIs e remédios nas unidades de saúde do Acre

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest
Redação Juruá em Tempo
Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email

Após as várias denúncias feitas pelo Sindicato dos Médicos do Acre (Sindmed) sobre as condições insatisfatórias de trabalho registradas nas unidades de saúde, o governo se pronunciou.

De acordo com o sindicato, os médicos pensam até na realização de atos contra o governo pela falta de atendimento das demandas apresentadas ao longo dos últimos dois anos, reivindicações que se acumularam, agravado pela escassez de equipamentos de proteção individual (EPIs) e alguns medicamentos.

Na nota, o governo rebate todos os questionamentos do Sindmed, afirmando que não há falta de EPIs e medicamentos e que sempre esteve aberto ao diálogo.

Leia a nota:

Sobre manifestação do Sindicato dos Médicos (Sindmed), afirmando realizar “atos contra o governo do Estado, *a Secretaria de Estado de Saúde (Sesacre), esclarece que:

Sempre esteve aberta ao diálogo, buscando solucionar os problemas, oferecendo melhores condições de trabalho para os profissionais, prezando sempre por um bom atendimento à população acreana.

Prova disso são as várias reuniões realizadas, onde foram apresentadas reivindicações da categoria médica. O cuidado com todos os profissionais da Saúde é prioridade para o governo.

Esclarecemos que não há a falta ou escassez de EPIs e/ou medicamentos, principalmente dos itens do kit de intubação que, mesmo sendo uma problemática nacional, esses se apresentam com quantidade satisfatória para atendimento, de acordo com a necessidade de cada paciente. E se antecipando a possíveis problemas de abastecimento deste itens, vimos realizando todos os processos de aquisição própria, além de tratativas junto ao Ministério da Saúde para garantir continuidade dos serviços.

No que diz respeito a bombas de infusão, sabemos que é um equipamento primordial e, devido a ampliação de leitos de UTI, principalmente, houve um aumento significativo na aquisição e/uso deste. Entretanto, o estado do Acre dispõe de contrato (licitação) além de doação da empresa JBS que garante bombas e estoque de equipos suficientes.

Com relação a unidade localizada no município de Xapuri, nossas escalas se mantém completas e referente ao serviço prestado pelo SAMU, foi implantada uma escala, com equipe assistencial completa, para prestação de serviço de transferência de pacientes de toda a regional do Alto Acre, contando com apoio logístico de uma aeronave durante o dia e ambulância no período da noite, o que não deixa a necessidade da saída do plantonista na unidade.

Outro ponto importante é a implantação de um laboratório de análises clinicas que garante os exames dos pacientes, ato nunca registrado naquela unidade, sendo que contém todos os equipamentos em pleno funcionamento e que as amostras coletadas, quando não há possibilidade de análise imediata, são acondicionadas e tão logo processadas. Sendo assim, desleal informar que tais amostras “estragam”.

O pagamento do adicional de insalubridade percebido por servidores da saúde vem sendo mantido regularmente, alcançando todos os profissionais de acordo com o que prevê a legislação.

Sobre a operação da Polícia Federal ocorrida na regional do Juruá, cabe mencionar que esta secretaria, mesmo cedendo profissionais para desenvolvimentos e suas atividades junto a Associação Nossa Senhora da Saúde (ANSSAU), não é responsável pelas contratações realizadas pela mesma. Além disso, a operação foi realizada abarcando profissionais que fazem parte do programa MAIS MÉDICO, sendo este um programa do governo federal.

Assim, primando sempre pela verdade, estamos à disposição para dialogar e buscar a solução para todos os desafios.

*Alysson Bestene Lins*

Secretário de Estado de Saúde do Acre (SESACRE)

Com informações Ac24horas

Leia também

Receba nossas novidades

Av. Getúlio Vargas n. 22 – Salas 7 e 8 – Centro – Cruzeiro do Sul AC.