Rio Branco, Acre, 23 de abril de 2021

Mantido decreto que suspende funcionamento do comércio durante o fim de semana e feriados no Acre

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest
Por Redação Juruá Em Tempo.
Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email

A suspensão do funcionamento do comércio e demais atividades durante os fins de semana e feriados segue por tempo indeterminado no Acre. A informação foi divulgada pelo governo do Acre nesta segunda-feira (22), por meio do Comitê de Acompanhamento Especial da Covid-19 (Caecovid).

A divulgação confirma ainda que o Acre segue na bandeira de emergência, representada pela cor vermelha. Na sexta (19), o comitê adiou a coletiva de reclassificação do estado devido o colapso na saúde que levou a ocupação de 100% dos leitos de Unidades de Terapia Intensiva (UTI) e enfermarias da Regional do Baixo Acre.

Com isso, são mantidas as medidas restritivas já adotadas pelo estado para tentar conter a proliferação da Covid-19.

O estado entrou em bandeira vermelha, que suspendeu as atividades não essenciais, no dia 1º de fevereiro.

De lá para cá, a situação se agravou e, além das transferências feitas para o interior do estado, há filas de pessoas aguardando por vagas de UTI. No boletim de assistência dessa segunda (22), em Rio Branco, o Pronto Socorro e o Into-AC, onde funciona o maior hospital de campanha do estado, estão com poucas vagas disponíveis. No PS, dos 30 leitos de UTI 27 estão ocupados e no Into dos 50, 48 estão com pacientes. Quinze pacientes aguardavam na fila por um leito de UTI.

O Acre registrou mais 513 novos casos de Covid-19 nesta segunda e chegou aos 65.959 casos de Covid-19 e o número de mortes chegou a 1.190 em todo o estado, segundo o boletim divulgado pela Secretaria Estadual de Saúde (Sesacre).

Regionais

A avaliação do comitê leva em consideração sete fatores: índice de isolamento social; índice de notificações por síndrome gripal; índice de internação por síndrome gripal; índice de novos casos por síndrome gripal Covid-19; índice de óbitos por Covid-19; ocupação de leitos clínicos – Covid-19 e ocupação de UTIs Covid-19. Esses fatores são avaliados por porcentagem – exceto os óbitos que tiveram uma mudança na avaliação em dezembro do ano passado – em que o comitê faz a somatória e atribui uma nota a cada região.

  • Alto Acre: Assis Brasil, Brasileia, Epitaciolândia e Xapuri – fase vermelha;
  • Baixo Acre e Purus: Acrelândia, Bujari, Capixaba, Jordão, Manoel Urbano, Plácido de Castro, Porto Acre, Rio Branco, Santa Rosa do Purus, Sena Madureira e Senador Guiomard – fase vermelha;
  • Vale do Juruá e Tarauacá/Envira: Cruzeiro do Sul, Feijó, Mâncio Lima, Marechal Thaumaturgo, Porto Walter, Rodrigues Alves e Tarauacá – fase vermelha.

Medidas restritivas foram adotadas para tentar conter o avanço do novo coronavírus — Foto: Quésia Melo/Rede Amazônica Acre

Medidas restritivas

As medidas mais restritivas para conter o avanço do coronavírus no Acre começaram no último dia 13. O governo adotou o fechamento emergencial do comércio e outros serviços nos fins de semanas e feriados para tentar reduzir os casos de Covid-19 e a alta demanda nos hospitais.

Entre as medidas está a proibição de cultos religiosos, a permanência de pessoas, em qualquer número, em espaços públicos e privados destinados à recreação e ao lazer. Durante a semana, os setores considerados não essenciais estão liberados a funcionar com 20% da capacidade.

O transporte público de Rio Branco também sofreu alteração com a mudança. A frota opera com redução de 58%. A medida foi anunciada pela Superintendência Municipal de Trânsito (RBTrans). O plano de operação do transporte público conta com um total de 22 ônibus, durante o fechamento. Cada linha tem apenas um carro, com exceção da Transacreana, que vai contar com dois ônibus circulando nesse período.

Antes do decreto, a capital contava com 52 ônibus circulando aos sábados e 40 aos domingos e feridos durante a pandemia da Covid-19, já por conta da redução do fluxo de passageiros.

Veja o que pode funcionar no final de semana:

  • Postos de Combustíveis para atendimento exclusivo de veículos oficiais das áreas da saúde e segurança, no período das 7h às 10h aos sábados, domingos, feriados;
  • Restaurantes, supermercados e similares com serviço delivery;
  • Terminais de autoatendimento bancário;
  • Farmácias;
  • Hospitais;
  • Laboratórios de análises clínicas;
  • Consultórios médicos e funerárias;
  • Transporte coletivo deve operar com redução de 58% da frota.

O que não pode abrir

Ficam impedidos de abrir para atendimento ao público durante o final de semana: restaurantes, lanchonetes, supermercados e similares, a exceção é apenas para o atendimento por serviço de delivery. Fica proibido qualquer tipo de atendimento presencial ao público, inclusive na modalidade drive thru.

Medidas durante os dias úteis da semana

Durante os dias úteis, estabelecimentos devem permanecer fechados no período de 22h às 5h do dia seguinte, observadas ainda as seguintes restrições específicas por setor ou atividade:

  • Eventos religiosos em templos ou locais públicos, de qualquer credo ou religião, poderão ser realizados até às 22h;
  • Restaurantes, lanchonetes e similares deverão encerrar a comercialização de bebidas alcoólicas até às 20h, devendo encerrar inteiramente suas atividades até às 22h;
  • Bares, distribuidoras de bebidas e similares encerrarão inteiramente suas atividades até às 20h;
  • Shopping centers poderão funcionar entre 12h e 20h;
  • Academias poderão funcionar entre 5h e 22h;
  • Comércio atacadista e varejista de gêneros alimentícios poderá funcionar até às 22h;

Após esses horários, os estabelecimentos poderão se manter em funcionamento exclusivamente para atendimento por meio de delivery, devendo manter fechados todos os acessos, sendo vedado qualquer tipo de atendimento presencial ao público.

A Central de Serviços Públicos (OCA) continua com o atendimento presencial suspenso, mas será intensificado o atendimento on-line.

Com informações do G1 Acre.

Leia também

Receba nossas novidades

Av. Getúlio Vargas n. 22 – Salas 7 e 8 – Centro – Cruzeiro do Sul AC.