Rio Branco, Acre, 23 de abril de 2021

Marco Aurélio critica Fachin por anulações da Lava-Jato: “Estou perplexo”

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest
Redação Juruá em Tempo
Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email

O ministro Marco Aurélio, do Supremo Tribunal Federal (STF), criticou a  decisão do ministro Edson Fachin de anular as condenações do ex-presidente Lula na Lava-Jato . Ele disse que a decisão será revista em plenário.

“Estou perplexo diante da decisão do ministro Edson Fachin de anular os processos-crime depois de os processos terem percorrido todas as instâncias”, criticou, em entrevista à coluna de Guilherme Amado, do jornal O Globo.

“A decisão do ministro Fachin é uma decisão individual, impugnável ainda. Se já fosse de colegiado, aí haveria prejuízo. Mas é decisão individual . Eu, por exemplo, não julgo individualmente habeas corpus”, continuou.

Marco Aurélio também mostrou surpresa com a transição de “mocinho” a “bandido” do ex-juíz Sergio Moro . Segundo o ministro, o único erro de Moro foi ter deixado o cargo de juíz para assumir o ministério da Justiça do governo Bolsonaro.

“O que me assusta é o que o herói nacional, o mocinho, está sendo tomado como bandido. O ex-juiz Sergio Moro. Isso não se coaduna com o Estado democrático de direito. Imagina-se que ele estivesse a um só tempo como Estado julgador, como juiz, e Estado acusador, como Ministério Público.”

Com informações Agência Brasil

Leia também

Receba nossas novidades

Av. Getúlio Vargas n. 22 – Salas 7 e 8 – Centro – Cruzeiro do Sul AC.