Rio Branco, Acre, 22 de abril de 2021

Vereador diz que Bocalom deveria usar R$ 600 mil da mídia para compra de vacinas

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest
Redação Juruá em Tempo.
Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email

Em sessão online desta quinta-feira, 25, o vereador Arnaldo Barros (Podemos), utilizou o seu tempo no pequeno expediente para sugerir ao prefeito Tião Bocalom que cancele a dispensa de licitação para contratação de uma agência de publicidade para mídia da prefeitura de Rio Branco.

A dispensa foi realizada na quarta-feira, 24, o valor é de cerca de R$ 600 mil e será usado para divulgar, de acordo com o termo, material de campanha educativa em proteção aos bens da vida, saúde, educação, meio ambiente e as ações da prefeitura de Rio Branco.

Em sua fala, o parlamentar sugeriu que o dinheiro empenhado fosse destinado para a compra de vacinas.

“Para melhorar a imagem da gestão, a sugestão que eu dou é que esse investimento de R$ 600 mil fosse colocado em vacinas, que daria 37 mil doses do imunizante. Essa é a minha sugestão”, disse.

A dispensa de licitação aconteceu, em caráter emergencial, e só foi possível porque a capital acreana ter sido englobada em estado de calamidade pública pelo governo federal, no último dia 22 de fevereiro, devido a enchente. O decreto tem validade de 90 dias.

A agência ganhadora do processo – Cidade Agência de Propaganda e Publicidade – é a mesma que fez a campanha eleitoral para a prefeitura de Rio Branco para o candidato progressista em 2020.

  • Com informações do AC24horas.

Leia também

Receba nossas novidades

Av. Getúlio Vargas n. 22 – Salas 7 e 8 – Centro – Cruzeiro do Sul AC.