Rio Branco, Acre, 11 de maio de 2021

Acreano é encontrado morto em cela de presídio na Bolívia; família tenta transladar corpo

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest
Redação Juruá em Tempo.
Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email

Um brasileiro identificado como Josenilton da Silva Pena (32), condenado a cumprir cerca de 30 anos de reclusão, foi encontrado morto em uma das celas do presídio de Villa Busch, localizado cerca de 20 quilômetros de Cobija, capital do estado de Pando que faz divisa com o Acre.

Josenilton foi condenado pela Justiça boliviana em 2018 por um assassinato. As autoridades policiais que administram o presídio encontraram o brasileiro já sem vida na cela.

A imprensa local esteve no necrotério do hospital Roberto Galindo, onde localizaram familiares que colocam em dúvida a sua morte. Segunda a irmã, ele não tinha motivos para tirar sua vida e que apenas recebeu uma mensagem da morte no celular e para comparecer no presídio para realizar a identificação.

Em uma entrevista, a irmã relata que estão com dificuldades de realizar o translado do corpo para o lado brasileiro e pede ajuda. O corpo foi transferido para ser realizado a autópsia e em seguida ser liberado aos parentes.

A irmã relata ainda que foi comunicada pelas autoridades da Bolívia que nada poderiam fazer e que seu irmão deveria ser enterrado no município de Xapuri, terra natal, após conseguir alguns documentos no lado brasileiro.

Fonte: O Alto Acre.

Leia também

Receba nossas novidades

Av. Getúlio Vargas n. 22 – Salas 7 e 8 – Centro – Cruzeiro do Sul AC.