Rio Branco, Acre, 11 de maio de 2021

Chelsea e Manchester City vão deixar a Superliga europeia, diz imprensa inglesa

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest
Redação Juruá em Tempo.
Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email

Diversos veículos da imprensa inglesa, como as redes “BBC” e “Sky Sports”, o jornal “The Times” e o site “The Athletic”, afirmam nesta terça-feira que Chelsea e Manchester City estão deixando a Superliga europeia. Nenhum deles ainda se manifestou oficialmente.

Segundo informações de última hora, o clube londrino está preparando a papelada necessária para dar um passo atrás e desistir da ideia de reunir 12 grandes clubes do continente numa nova competição (que chegaria a ter 20 participantes).

De acordo com a “BBC”, o dono Roman Abramovich tomou a decisão em virtude da repercussão negativa global. Ele temia que isso afetasse a reputação do clube.

Desde o anúncio de sua criação, no domingo, a Superliga foi duramente criticada por jogadores, torcedores, clubes não-participantes, ligas e as principais entidades à frente do futebol, desde as ligas nacionais, como a Premier League, até Uefa e Fifa.

Também nesta terça, cerca de mil torcedores foram até o estádio Stamford Bridge protestar contra o dono Roman Abramovich e a posição do clube. O ex-goleiro e atual assessor técnico de desempenho, Petr Cech, tentou acalmar a multidão.

Este teria sido o momento em que os fãs souberam da notícia:

O time treinado por Thomas Tuchel enfrenta o Brighton, às 16h (de Brasília), pelo Campeonato Inglês.

  • Fonte: Globoesporte.

Leia também

Receba nossas novidades

Av. Getúlio Vargas n. 22 – Salas 7 e 8 – Centro – Cruzeiro do Sul AC.