Rio Branco, Acre, 17 de junho de 2021

Com adesão de 90% das escolas, servidores da Educação iniciam greve no Acre

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest
Por Redação Juruá Em Tempo.
Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email

O Sindicato dos Trabalhadores em Educação do Estado do Acre (Sinteac) iniciou nesta quinta-feira, 13, uma greve sem prazo de término. Sem diálogo com o governo do Estado, o primeiro ato foi marcado por um adesivaço de veículos em frente ao Palácio Rio Branco.

A greve foi deflagrada em assembleia virtual na sexta da semana passada (7). Porém, a categoria realizou uma série de atividades em advertência ao governo. “A greve é por tempo indeterminado ou até que o governo sinalize com as nossas reivindicações”, disse a presidente do Sinteac, Rosana Nascimento.

Segundo a presidente, o sindicato se reuniu com a secretária de Educação, Socorro Neri, em busca de solucionar as reivindicações da categoria, porém, não houve acordo. “Chamaram a gente para tentar nos ludibriar. A secretária pediu mais um prazo para não iniciar a greve, mas, o sindicato não aceitou porque é uma falta de respeito”.

Os servidores da Secretaria de Estado de Educação, Cultura e Esporte (SEE) buscam a reestruturação do plano de cargos e carreiras, o pagamento do Prêmio Anual de Valorização e Desenvolvimento Profissional (VDP) e a vacinação prioritária dos professores contra a Covid-19.

No entanto, o pagamento da VDP deve ser pago em junho, em parcela única, conforme anunciado pelo governador Gladson Cameli na semana passada.

Leia também

Receba nossas novidades

Av. Getúlio Vargas n. 22 – Salas 7 e 8 – Centro – Cruzeiro do Sul AC.