Rio Branco, Acre, 19 de junho de 2021

Cruzeiro do Sul: concurso da prefeitura segue suspenso após mais de um ano

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest
Por Redação Juruá Em Tempo.
Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email

Mesmo com a posse dos aprovados há mais de um ano, a batalha judicial que envolvendo o concurso da prefeitura de Cruzeiro do Sul continua. O processo foi suspenso e os convocados ainda não estão atuando de forma efetiva. A procuradoria jurídica do munícipio confirmou a informação.

No final de 2020, a prefeitura empossou os aprovados; apesar do concurso ter sido suspenso pelo Tribunal de Contas do Estado (TCE-AC) em março do ano passado. O então prefeito, Clodoaldo Rodrigues, atendendo a uma recomendação do TCE que chegou a suspender a ação, às vésperas da posse.

Em agosto de 2020, houve a divulgação de liberação, mas o órgão e a procuradoria jurídica do município negaram houvesse alguma liberação; por isso, o ato chegou a ser suspenso pela prefeitura.

Raphael Sanson, procurador jurídico de Cruzeiro do Sul, explicou que a não liberação da nomeação foi uma das adversidades encontradas pela nova gestão ao assumir a prefeitura no início desse ano.

As pessoas empossadas estão trabalhando e a prefeitura segue tentando adequar o limite da Lei de Responsabilidade Fiscal do município. “Estamos tentando enquadrar todo mundo. Temos agora, até dezembro, para enquadrar e estamos lutando para até o fim do ano colocar todo mundo dentro do teto de gastos”, disse.

Convocação

Os aprovados no concurso de nível fundamental, médio e superior, foram convocados pela prefeitura no dia 03 de novembro de 2020. O grupo chegou a protestar no fim de agosto pedindo a contratação e iniciaram uma dura batalha judicial junto ao TCE. No dia 11 de fevereiro do mesmo ano os candidatos aprovados foram convocados; em 03 de março, a prefeitura convocou mais de 100 professores para o início do ano letivo.

Porém, no dia cinco de março, Ronald Polanco, conselheiro do TCE, deu o prazo de dois dias para que todas as ações referentes ao concurso fossem suspensas. Uma multa diária no valor de R$ 500,00 foi fixada em caso de descumprimento.

Concurso

Após mais de 10 anos sem concurso público, o Instituto Brasileiro de Formação e Capacitação (IBFC) publicou edital com cargos para os níveis fundamental, médio e superior em diversas áreas de atuação.

Mais de 16 mil candidatos realizaram provas de caráter objetivo no dia primeiro de dezembro. Após constar irregularidade na aplicação, a prefeitura chegou a anular as provas de 464 candidatos ao cargo de gestor público. Uma nova prova para o cargo foi aplicada no dia 15 de dezembro.

Leia também

Receba nossas novidades

Av. Getúlio Vargas n. 22 – Salas 7 e 8 – Centro – Cruzeiro do Sul AC.