Rio Branco, Acre, 15 de junho de 2021

Ex-procurador Anti-Corrupção do Peru, procurado pela Interpol, é preso no AC

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest
Assessoria da Polícia Civil.
Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email

A Polícia Federal prendeu, na tarde dessa terça-feira (11), em Rio Branco, um cidadão peruano de 62 anos, que se encontrava na lista da Difusão Vermelha da Interpol.

Segundo as autoridades peruanas, em 4 de novembro, em Puccallpa no Peru, o então Procurador Anti-Corrupção teria solicitado pagamento de propina a uma investigada com a finalidade de, omitindo suas funções como Procurador Anti-Corrupção, deixar de promover investigações contra ela. O fugitivo procurado foi condenado pela justiça peruana em 2018 pelo crime de corrupção passiva própria.

Desde então estava foragido no Brasil, tendo sido um de seus paradeiros o estado de Goiás.
O Pedido de Prisão Preventiva para fins de Extradição foi formulado pelo Escritório Central Nacional da Interpol em Brasília/DF com base nas informações da Difusão Vermelha incluídas pelas autoridades peruanas.

A localização e prisão do estrangeiro foi realizada pelos policiais federais lotados no Setor de Inteligência da Polícia Federal no Acre. Ele foi localizado exercendo atividade comercial em um dos bairros da capital – Rio Branco/AC.

O Mandado de Prisão Preventiva para fins de Extradição, expedido pelo Supremo Tribunal Federal, foi devidamente cumprido e, após as formalidades de praxe, o extraditando será encaminhado ao sistema prisional acreano até a saída compulsória definitiva para o Peru.

Leia também

Receba nossas novidades

Av. Getúlio Vargas n. 22 – Salas 7 e 8 – Centro – Cruzeiro do Sul AC.