Rio Branco, Acre, 15 de junho de 2021

Sindicato dos Médicos pede cassação do mandato do deputado Cadmiel Bomfim

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest
Por Redação Juruá Em Tempo.
Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email

A Diretoria do Sindicato dos Médicos do Acre (Sindmed-AC) vai acionar o Conselho de Ética da Assembleia Legislativa do Acre (Aleac) sobre uma suposta quebra de decoro do deputado estadual Cadmiel Bomfim (PSDB). Os profissionais querem a cassação do mandato do parlamentar.
O pedido toma como base o comentário do deputado sobre o médico Rodrigo Damasceno, que foi chamado de “mercenário” na sessão da Aleac desta terça-feira, 11.

Segundo o Sindicato dos Médicos, a fala de Cadmiel extrapolou a prerrogativa de fiscalizador ao resumir o fato da falta de médicos no Hospital Geral de Feijó a uma opinião não embasada em provas e sem aferir uma série de problemas vivenciados naquela unidade de saúde.

Segundo o vice-presidente do Sindmed-AC, Rodrigo Prado, a acusação é grave e parece se tratar de uma perseguição política, com o objetivo de constranger o profissional que também foi prefeito.

“Se a situação for avaliada de forma fria, de forma a garantir o atendimento da população, seria importante a contratação de mais profissionais para garantir plantonistas na maternidade, tendo o apoio, inclusive, de médicos com especialidade em anestesia. É bom ter o reforço de um profissional, mas não cobre toda a escala, então os pacientes ainda podem ficar desassistidos”, detalhou o sindicalista.

Leia também

Receba nossas novidades

Av. Getúlio Vargas n. 22 – Salas 7 e 8 – Centro – Cruzeiro do Sul AC.