22 C
Juruá
sexta-feira, agosto 19, 2022

Biden alerta Putin sobre consequências de invasão na Ucrânia

Por

(ANSA) – O presidente dos Estados Unidos, Joe Biden, alertou seu homólogo russo, Vladimir Putin, que vai responder de modo “resoluto” em caso de invasão da Ucrânia.

Biden e Putin conversaram por telefone durante 50 minutos na noite da última quinta-feira (30) para tentar reduzir as tensões, em meio aos temores de uma guerra no leste ucraniano.

Segundo a Casa Branca, Biden defendeu uma solução diplomática para a crise, mas deixou claro que “os EUA e seus aliados responderão de modo resoluto se a Rússia invadir novamente a Ucrânia”.

“O presidente Biden pediu à Rússia que esfrie as tensões com a Ucrânia”, diz um comunicado do governo americano. De acordo com o presidente dos EUA, não vão ocorrer progressos enquanto houver um ambiente de “escalada” da crise.

Putin, por sua vez, alertou que a imposição de novas sanções por parte do Ocidente seria um “erro colossal” e resultaria em uma “quebra completa” das relações A Rússia quer obter um compromisso formal de que a Ucrânia, ex-república soviética, nunca vai aderir à Organização do Tratado do Atlântico Norte (Otan) e alocou tropas na fronteira com o país vizinho.

O leste ucraniano já é controlado por rebeldes pró-Moscou desde 2014, após a revolta que derrubou o presidente Viktor Yanukovich, que tentava impedir a aproximação de Kiev com a União Europeia.

No próximo dia 10 de janeiro, EUA e Rússia farão uma nova reunião bilateral sobre questão ucraniana. (ANSA)

error: Alert: O conteúdo está protegido !!