24 C
Juruá
domingo, junho 26, 2022

Batalhão de Operações Especiais realiza nivelamento com novos soldados

Por Redação O Juruá em Tempo.

Atuar em uma área especializada requer treinamento constante e busca incessante por aprimoramento técnico. Visando tal expectativa, o Batalhão de Operações Especiais (Bope), por meio das suas companhias Grupo de Intervenção Rápida Ostensiva (Giro) e Rondas Ostensivas Tático Móvel (Rotam), está realizando um nivelamento com novos soldados integrantes das unidades.

Com duração de quatro a sete dias, divididos em instruções teóricas e práticas, os nivelamentos ocorrem nas dependências do Centro Integrado de Ensino em Pesquisa em Segurança Pública (Cieps), Arena Race e também no Bope. Com atuações e características específicas para cada Companhia, os alunos,  após sua formação em 25 de maio, aniversário da Polícia Militar do Acre (PMAC), foram recepcionados na segunda-feira, 30, e já entraram em treinamento.

O Giro também está oferecendo aos seus novos integrantes uma capacitação de nivelamento. Foto: cedida

Usar a motocicleta na atividade policial requer uma habilidade acima da média, buscando chegar com máxima agilidade às ocorrências e onde as viaturas tradicionais não têm acesso. Para isso, é necessário estar habilitado aos variados terrenos possíveis. Por isso, os militares do Giro oferecem aos novos integrantes instruções como: Noções Básicas de Mecânica; Adaptação à pilotagem; Abordagem voltada ao moto patrulhamento tático, entre outras.

William Oliveira, 25 anos, é um dos novos soldados que está passando pelo nivelamento do Giro, que tem duração de sete dias. Ele destaca que a vontade de ser integrante da unidade surgiu durante o Curso de Formação de Soldados (CFSd). “Logo no curso me apaixonei e despertei de imediato meu interesse no moto patrulhamento, onde as instruções foram um divisor de águas, quebrando paradigmas e algumas impressões equivocadas que tinha anteriormente”, destacou o soldado.

Trabalhar com motocicletas na atividade policial requer habilidade acima da média. Foto: Cedida

O comandante do Giro, 1° tenente Willian Rocha, destacou a importância do nivelamento, que irá até o dia 8 de junho, para os policiais militares que atuam no motopatrulhamento. “O nivelamento tem a finalidade de desenvolver uma pilotagem rápida, segura e livre de acidentes, ou seja, eficiente, bem como capacitar com técnicas policiais para melhor o combate à criminalidade e, por último, adaptar o militar ao policiamento com motocicletas realizado pela companhia Giro”, enfatizou o comandante.

Também de ágil deslocamento, principalmente em virtude da habilidade dos seus motoristas ao volante, e empregada em situações de alta complexidade, a Rotam apresenta uma doutrina policial específica. Com instruções voltadas às noções de abordagem, doutrina Rotam, choque ligeiro, entre outras, os novos soldados irão se adaptar, no decorrer dos serviços, aos padrões da companhia.

A capacitação visa alinhar os novos soldados aos procedimentos da companhia. Foto: cedida

Aldemiria Farias, 30 anos, foi uma das contempladas com o nivelamento oferecido pela Rotam, que durou quatro dias. A jovem, que é natural de Assis Brasil, conta que despertou o interesse na unidade também durante o CFSd, destacando a importância do treinamento. “Podemos ter ciência dos procedimentos e detalhes que a Companhia Rotam tem, sendo uma experiência enriquecedora, aprendendo informações de suma importância para prestar um serviço de excelência”, disse entusiasmada.

error: Alert: O conteúdo está protegido !!