24 C
Juruá
domingo, junho 26, 2022

Defesa de Gladson recorrerá de decisão do STJ “acreditamos na anulação das medidas e o encerramento dessa abusiva investigação”

Por

Os advogados Ticiano Figueiredo e Pedro Velloso, que atuam na defesa do governador Gladson Cameli, afirmaram em nota nesta sexta-feira (3) que a decisão dos ministros do STJ que negou o pedido de nulidade da Operação Ptolomeu “mantém a decisão da Ministra Nancy Andrighi de dezembro de 2021, que deferiu as medidas que deram início à investigação”.

Para a defesa, “ficou claro que se trata de uma investigação com inúmeras irregularidades e, como era de se esperar, nada concluiu. Na prática, não muda nada no andamento do processo”.

Os advogados encerram a nota afirmando que vão recorrer “com o fim de determinar a anulação das medidas e o encerramento dessa abusiva investigação contra o Governador Gladson Cameli”.

A defesa argumentou no pedido ao STJ que há falhas na apuração policial, porém os ministros consideraram que a ação da PF obedeceu os procedimentos legais.

Confira a nota:

Nota de esclarecimento sobre a divulgação de decisão do STJ publicada nesta sexta-feira,3, a Defesa do Governador Gladson Cameli esclarece:

O acórdão mantém a decisão da Ministra Nancy Andrighi de dezembro de 2021, que deferiu as medidas que deram início à investigação.

De lá para cá, ficou claro que se trata de uma investigação com inúmeras irregularidades e, como era de se esperar, nada concluiu. Na prática, não muda nada no andamento do processo.

A defesa recorrerá com o fim de determinar a anulação das medidas e o encerramento dessa abusiva investigação contra o Governador Gladson Cameli.

Ticiano Figueiredo e Pedro Ivo Velloso

Advogados do governador Gladson Cameli

error: Alert: O conteúdo está protegido !!