24 C
Juruá
domingo, junho 26, 2022

Detento é espancado até a morte por companheiros de cela em presídio do Acre

Por

O detento João Craveiro Chaves Júnior foi espancado até a morte, na noite desta sexta-feira (3), dentro da própria cela no pavilhão “J” do Presídio Francisco de Oliveira Conde (FOC), em Rio Branco.

Segundo informações preliminares, João foi espancado pelos próprios companheiros de cela, ao retornar do banho de sol. Em uma ronda,os policiais penais ouviram gritos vindo do pavilhão e ao chegar no interior da cela, já viram João caído respirando pouco.

Os policiais penais acionaram o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), que enviou uma ambulância básica ao local, mas foi necessário acionar a viatura de suporte avançado para dar apoio, porém, quando os socorristas chegaram, só puderam atestar a morte de João.

Os detentos que estavam na mesma cela que João Craveiro foram encaminhados para a Delegacia de Flagrantes (Defla), onde serão interrogados pelo delegado plantonista.

Crimes de João Craveiro

O detento João Craveiro Chaves Júnior é acusado de ter participado da morte do motorista de caminhão Francisco Alves Maia, 56 anos, que estava desaparecido desde as 15h do dia 24 de maio de 2021, e foi encontrado morto dentro de uma cova rasa, na manhã da sexta-feira do dia 28 de maio de 2022.

O trabalhador tinha desaparecido após receber uma ligação e ser chamado para fazer um frete no Loteamento Praia do Amapá, na região do Segundo Distrito de Rio Branco.

Além da morte do ferreiro, João Craveiro é mandante de um crime ocorrido no dia 26 de abril de 2021 na região do Taquari, em Rio Branco. A vítima, Evandro Silva e Silva, teve a própria casa, localizada na Travessa do Sol, invadida por criminosos e foi morto a tiros.

Fonte: ContilNet

error: Alert: O conteúdo está protegido !!