26.1 C
Juruá
quinta-feira, junho 30, 2022

Mais de 460 servidores da Educação do AC podem ter salário bloqueado se não atualizarem cadastro anual

Por Com informações G1 Acre

Uma lista com os nomes de mais de 460 servidores foi publicada na edição desta terça-feira (7) do Diário Oficial do Estado (DOE) para que atualizem os dados junto à Secretaria de Educação, Cultura e Esportes do Acre (SEE).

O edital de notificação com o nome do servidor, cargo, situação da atualização cadastral e município de lotação pode ser consultada a partir da página 17 do DOE. Na lista há professores, assistentes educacionais, chefes de departamento, apoio administrativo e gestores de políticas públicas.

Os servidores têm até 15 de junho para fazer a atualização. O cadastro pode ser atualizado na Coordenação de Vida Funcional da SEE ou na representação da secretaria de cada município.

Quem deixar de fazer a atualização cadastral dentro do prazo e sem justificativa deve ter o pagamento dos vencimentos bloqueado.

No caso dos servidores listados nesta terça que não regularizarem a situação, o bloqueio do salário será referente ao mês de junho, obedecendo o calendário de folha de pagamento do governo do estado.

Como fazer

  • A primeira fase do recadastramento é realizada pela internet. O servidor deve preencher um formulário online e este procedimento vai gerar um comprovante que deve ser validado presencialmente.
  • Depois disso, o servidor terá dois dias úteis para dar início à segunda fase do recadastramento que é o comparecimento ao setor de Recursos Humanos do órgão onde está lotado.
  • O recadastramento presencial ocorre de acordo com um cronograma que leva em consideração a data de nascimento dos servidores.

Por conta da pandemia, em dezembro do ano passado, a equipe do governo alterou o decreto 4.852 de 2019 e tornou obrigatória a comprovação de vacinação contra a Covid-19 no processo de atualização cadastral dos servidores públicos estaduais.

No entanto, com o avanço da imunização e, consequente, redução dos casos óbitos, essa medida foi revogada no dia 28 de abril.

error: Alert: O conteúdo está protegido !!