23.3 C
Juruá
sexta-feira, agosto 12, 2022

Quatro homens são presos suspeitos de participação no ‘tribunal do crime’ em Cruzeiro do Sul

Por redação.

A Polícia Civil do município de Cruzeiro do Sul (AC), realizou a prisão de um trio suspeito de ter tirado a vida do jovem V.N.M, conhecido por ‘Diabo Loro’, no dia 22 de março de 2022, próximo ao cemitério São João Batista, no centro da cidade. O rapaz foi executado numa espécie de tribunal do crime.

De acordo com as investigações, os autores do crime confessaram ter matado ‘Diabo Loro’ por ele ter furtado quatro paradas de droga. Os investigadores informaram que o principal motivo teria sido uma retaliação a um crime cometido em 2017, quando o jovem Mateus Santos Oliveira, de 21 anos, sobrinho de um dos acusados, desapareceu durante o carnaval. Os suspeitos acreditavam que ‘Loro’ teria participado no homicídio de Mateus e jogado o corpo no rio após o crime.

A Polícia conseguiu chegar aos criminosos E.S.A, E.S.O e F.J.S.C, uma semana após o crime de homicídio. Diabo Loro, foi sequestrado e levado para o local, onde foi espancado a pauladas vindo a morrer dias depois no hospital do Juruá.

Um quarto suspeito pelo crime, conhecido como ‘Pio’, foi preso na última terça-feira (19), por policiais civis. O trio não havia denunciado o criminoso, por ele ter fama de ser agressivo e muito violento.

Os quatro criminoso foram presos e encaminhados ao presídio Manoel Neri, onde ficaram a disposição da justiça.

error: Alert: O conteúdo está protegido !!